Um trabalho com a Sombra pessoal

Estamos usando o termo "sombra" de três maneiras distintas:



1a - A sombra é um quarto escuro dentro do qual nossas imagens e sonhos jazem adormecidos. O trabalho com a sombra é o processo de desenvolvimento pelo qual nossas imagens e sonhos retornam à vida.



2a - A palavra se refere aos conteúdos em si mesmo, às imagens arquetípicas que são imediata e intuitivamente reconheciveis como uma parte pertubadora de nós: uma bruxa, um sádico, um sabotador, um mentiroso, uma vítima, um viciado. Além disso, estamos também usando a palavra para os talentos latentes e os impulsos positivos que foram banidos na infância, tais como talentos musicais, poéticos ou atléticos.


3a - Finalmente, se usado como adjetivo, o termo se refere ao aspecto sombrio ou lado escuro de uma pessoa ou de um arquétipo, tal como o lado escuro de uma mãe ou da Grande mãe. Como a maioria de nós é treinada durante a infância para separar Deus do Diabo e o bem do mal, não conseguimos aguentar a tensão dos opostos: o lado iluminado e o lado escuro. Em vez disso, tendemos a procurar heróis idealizados, sem mácula, na tentativa de permanecer otimistas e cheios de esperanças. Ou então uma outra parte de nós, cansada e cínica, espera sempre o pior dos outros.


de: Connie Zwein






Há outras formas de se formar uma sombra? 

A sombra não é sempre formada pela raiva. Desconfiança não é raiva, é não aceitar ou confiar em alguém que não seja nós mesmos. Dependendo da idade da criança ou da idade da pessoa que é ferida... 

Uma versão mais sutil que desconfiar, é perder a fé, ela facilmente cai no cinismo, que é uma forma de ver apenas o lado sombrio de tudo. Isso se torna um conjunto de crenças que sempre vê o lado negativo da motivação das pessoas. 

O cínico acredita ou diz: Todo mundo faz isso por dinheiro, todos querem glória. O cínico perdeu, segundo Jung, o contato com a imagem ideal das coisas. Particularmente nas crianças, ela perde a inocência. 

Em geral existe algum tipo de ferida. Ferida é uma metáfora, pode ser qualquer tipo de mágoa, mácula, mancha. Algo que para que a vida flua, que nos para, bloqueia. Pode ser uma série de desastres, a casa é bombardeada, o rio cresce, a casa é derrubada, carregada, os objetos, segue-se escassez, a perda material, nos adaptamos a ela. 

Naturalmente perdas emocionais quando pais, seres amados ou companheiros são mortos, se vão. 

 Há todo tipo de ferida ou mágoa ao Ego. Humilhação. Ser punido ou ridicularizado publicamente. Perder uma posição. Ser demitido de uma posição de poder, rebaixado. 

Nas culturas industriais, culturas coorporativas, quando homens perdem seus empregos, isso é uma ferida enorme, uma ferida muito grande para o ego. 

Não poder trabalhar em nosso tipo de sociedade faz o homem perder seu respeito por si mesmo, a honra.

de> Roger Woolger